Conjuntivite Tratamento

Como Tratar a Conjuntivite Alérgica

conjuntivite-tratamento-300x200

A conjuntivite alérgica é uma alergia nos olhos que pode acontecer junto ou separadamente da renite alérgica. É a forma mais comum de alergia nos olhos.

Entre os
sintomas da conjuntivite estão: olhos vermelhos e lacrimejantes, pálpebras inchadas, sensação de areia, ou de cisco nos olhos, coceira e secreção. Também pode ser sintomas, secreção purulenta (mais comum quando é conjuntivite bacteriana), secreção esbranquiçada (no tipo viral), fotofobia (que é não um medo de luz, mas um mal estar muito grande com a luz), visão borrada e as pálpebras podem ficar grudadas por conta da secreção excessiva, comum quando a pessoa acorda.  

Causada por alergenos, ácaros e pólem de plantas que acabam entrando em contato com os olhos. Quando há o contato com os olhos o corpo reage e produz anticorpos em contato com os alergenos iniciam uma reação alérgica.

A alergia pode acontecer em um dos olhos ou nos dois, tudo depende do contato dos alergenos nos olhos. Os sintomas da conjuntivite é o lacrimejamento a vermelhidão dos olhos, coceira e ardor, pode acontecer de a pele que fica ao redor dos olhos descamarem e ficar vermelha.

O tratamento da conjuntivite alérgica pode ser feito através de colírios, mas é indicado que antes de usar qualquer colírio ser consultado uma orientação médica, pois será feita uma analise sobre qual será o melhor tratamento para a conjuntivite.

A
conjuntivite viral traz uma sensação de areia nos olhos ou como se tivesse um corpo estranho nos olhos e um forte lacrimejamento dos olhos, neste caso é uma conjuntivite não contagiosa, mas uma doença não menos grave que deve ser controlada para evitar consequências graves como ter sequelas da inflamação que provoque lesões na córnea e atrapalhar seriamente a visão.

Já a conjuntivite bacteriana que é a versão contagiosa tem como sintomas uma secreção amarelada, inchaço das pálpebras, vermelhidão e lacrimejamento que são dois sintomas menos frequentem; e aumento da secreção que ocasiona a lacração dos olhos, principalmente ao acordar.

A conjuntivite alérgica é também comum em pessoas mais sensíveis que vivem em situações adversas, como clima seco, clima poluído e empoeirado e os sintomas deste tipo de conjuntivite é coceira intensa e muito inchaço.

Colírio para Conjuntivite

Colírios e Remédios para Conjuntivite

A conjuntivite é uma inflamação que é bem comum no verão, pois tem todos os fatores propícios para a proliferação da inflamação, a começar pelo contágio que é maior com altas temperaturas. Confira quais são os melhores colírios para conjuntivite e trate assim que aparecer os primeiros sintomas.

colirio-para-conjuntivite-300x224

A Conjuntivite alérgica é causada pelo contato de alergenos nos olhos seus sintomas são: coceira, lacrimejamento do olho e vermelhidão, acontecendo também de a pele que fica em volta dos olhos fica vermelha e descama. O diagnóstico da conjuntivite pode ser feito através de testes para alérgenos específicos, porém não é muito difícil diagnosticá-la.

O tratamento da conjuntivite: primeiramente a pessoa contaminada deve ficar longe das outras pessoas, pois ela é contagiosa, o tratamento deve ser feito com medicação com anti-histaminicos, se for só nos olhos pode ser tratado com colírios para Conjuntivite específicos, mas se houver outro tipo de alergia ao redor dos olhos na pele pode ser tratado com colírio, porém é necessário procurar orientação médica.

Nesta época assim como em qualquer momento, tenha cuidado com as mãos quanto à higiene e se foi contagiado (a) procurar tratamento médico e não se automedicar. Lembrando que para cada tipo de conjuntivite é indicado um tipo específico de colírio para conjuntivite. No caso da conjuntivite viral, os colírios recomendados são: Colírio Moura Brasil, Dunanson, Refresh (que é um tipo de lacrima artificial que ajuda a lubrificar os olhos e que é usado por quem usa lente de contato), Lacril, Cellufresh, Lacribell Colírio, Cellufresh, ecofilm Colírio.

Já no caso de conjuntivite bacteriana as conjuntivites são os seguintes: Biamotil Oculum, Dexafenicol, Cloranfenicol, Flumex, Polipred, Maxitrol e Vixmicina. Lembrando que no caso de colírio para conjuntivite bacteriana normalmente é à base de antibióticos e só podem ser adquiridos e prescritos sob receita médica.

No caso de conjuntivite alérgica, os colírios mais indicados são: zaditen, Cetotifeno e Decadron. Mas, lembrando que nunca se deve automedicar, ainda mais colírio que são remédios que vão a contato com os olhos. Procure orientação de um medico especialista se sente alguns dos sintomas e se cuidem.